DOMINIODEBOLA.com

Notícias, Futebol, Liga, Portugal, Betclic, Benfica, Sporting, Porto

VÍDEO: Presidente banido do futebol após beijar e apalpar árbitro

1 min read

Caso insólito na Tunísia.

Segue-nos nas Redes Sociais

Facebook icon  Instagram icon Tiktok icon twitterx icon Pinterest icon Whatsapp icon YouTube icon

Moncef Khemakhem, presidente do Club Sfaxien, foi banido para sempre de toda a actividade futebolística pela Federação Tunisina de Futebol (FTF) após um comportamento inusitado: beijou e mordeu orelha a um árbitro assistente e, também, segundo confissão do próprio, apalpou as suas nádegas.

.dsadassdasdasd

Estes acontecimentos remontam ao mês de Março, altura em que o Club Sfaxien recebeu e venceu por 3-2 o rival Étoile du Sahel. Nessa partida, a vitória acabaria por sorrir à equipa de Moncef Khemakhem, o visado nesta história. Quando o jogo se encontrava empatado a duas bolas, o árbitro assinalou uma grande penalidade que, segundo alguns relatos locais, foi muito duvidosa. Desse penalty resultou o golo que permitiu à equipa da casa conquistar os três pontos.

Os gestos que se seguiram – e que originaram toda esta polémica – simbolizariam o agradecimento de Khemakhem pela marcação do penalty e a consequente vitória.

Face a estes acontecimentos, a FTF decidiu banir de forma permanente o dirigente máximo do clube tunisino. A entidade justificou a sentença devido ao “comportamento perigoso e antidesportivo”, “atentado ao pudor” e “violação dos bons costumes”, com o intuito de “pressionar a arbitragem”. Além disso, Moncef Khemakhem terá que pagar uma multa de 12 mil euros.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.