Os dois jogadores portugueses viram o clube de Alvalade adquirir novas percentagens dos seus passes, aumentando o Sporting a sua parcela sobre os mesmos.

Em comunicado à CMVM, os verdes e brancos explicam que, na altura da celebração dos novos vínculos com os dois atletas, foram readquiridas parcelas que tinham sido cedidas aos jogadores em 2012, ainda no período de Godinho Lopes.

Logo, o clube leonino passa a deter 80 por cento do passe do capitão de equipa Adrien Silva (tinha apenas 50) e 82,5 por cento do de Rui Patrício (tinha 65 por cento).

Uma medida da administração do presidente Bruno de Carvalho que fortalecerá a posição em relação aos atletas, nomeadamente no caso de uma possível negociação futura.

By Ricardo Rocha

Nascido e criado em Vila Nova de Gaia, desde cedo me apaixonei por futebol. Tenho 18 anos, no secundário frequentei o curso de Comunicação Multimédia que me ajudou bastante para hoje realizar trabalhos escritos e também audiovisuais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.