rp_Ronaldo.JPG

Cristiano Ronaldo emitiu, ao final da tarde desta terça-feira, um comunicado no qual reagiu, formalmente, à rescisão do contrato que mantinha com o Manchester United, e que seria válido até junho do próximo ano de 2023.

“No seguimento do diálogo com o Manchester United, chegámos a mútuo acordo para terminar o nosso contrato precocemente”, começou por escrever o internacional português, que fez questão de deixar uma mensagem de apoio à agora ex-equipa.

“Eu amo o Manchester United e amo os adeptos, isso nunca irá mudar. No entanto, sinto que é a altura certa para procurar um novo desafio. Desejo à equipa todo o sucesso para aquilo que resta da temporada e para o futuro”, completou.

Chega, assim, ao fim aquela que foi a segunda passagem do avançado de 37 anos pelos red devils, depois de este ter concedido uma entrevista não autorizada à estação televisiva britânica TalkTV, na qual visou a direção, o treinador e até alguns companheiros de equipa.

O jogador, que está, atualmente, no Qatar, para disputar o Campeonato do Mundo ao serviço de Portugal, é, assim, formalmente, um jogador livre, pelo que pode assinar por qualquer outro clube na reabertura do mercado de transferências, em janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.