DOMINIODEBOLA.com

Notícias, Futebol, Liga, Portugal, Betclic, Benfica, Sporting, Porto

«Os polícias gostam mais do Benfica do que gostam do Sporting»

2 min read

Depois da não realização do jogo entre o Famalicão e o Sporting, a contar para a 20.ª jornada da I Liga, por causa de uma falta de efetivos da polícia para salvaguardar a segurança no recinto, o Sporting perdeu a liderança no campeonato que agora está nas mãos do rival Benfica.

Segue-nos nas Redes Sociais

Facebook icon  Instagram icon Tiktok icon twitterx icon Pinterest icon Whatsapp icon YouTube icon

Augusto Inácio, antigo jogador, treinador e dirigente do Sporting, teme que indiretamente este adiamento possa afetar a equipa leonina.

“Parecendo que não, se repararmos nas capas dos jornais e em toda a gente, é o Benfica que está no primeiro lugar”, reparou Augusto Inácio, certo de que o facto de o Benfica ter passado para a liderança representa “um acrescento de motivação para o Benfica”.

Quanto ao Sporting, Augusto Inácio faz notar que “deixa de ser o líder por uma questão em que não tinha culpa nenhuma”, sublinhando que o adiamento do jogo não foi causado pelos leões, que estavam num momento de forma que tem agradado a Augusto Inácio.

“Tem de se dizer que o Sporting está a passar por uma fase fantástica, uma equipa a jogar muito bem, muito confiante, que vinha de um resultado espetacular, e não se pôde realizar o jogo por culpa de outros, que nada têm a ver com o futebol”, comentou Inácio.

Em declarações prestadas à Antena 1, o ex-treinador verde e branco disse ainda que, deste modo, “saem todos prejudicados”. “Mas, claramente o Sporting é aquele que mais queixas pode ter”, destacou Augusto Inácio, certo de que não acredita que tenha existido dolo por parte dos polícias que ficaram de baixa médica a poucas horas do jogo dos leões.

“Eu a brincar, às vezes, é que digo que os polícias gostam mais do Benfica do que gostam do Sporting. Mas isso é uma brincadeira minha”, assegurou Augusto Inácio, lembrando que não alinha na ideia de que os polícias tivessem por objetivo travar o jogo do Sporting em questão.

“Não acredito que as coisas fossem feitas para prejudicar o Sporting diretamente. Foram coisas que aconteceram”, observou ainda Augusto Inácio, referindo que outros jogos da II Liga foram adiados por falta de policiamente.

“Através dessa ação saem terceiros prejudicados”, salientou Augusto Inácio, que é um adepto assumido do emblema verde e branco, e que acha que este adiamento vai criar problemas a Rúben Amorim.

“Vai atrapalhar, provavelmente, todos os planos que Rúben Amorim já tinha na cabeça em relação ao calendário que tinha”, admitiu Augusto Inácio sobre um tema que tem dado que falar face a “balelas” que se vão ouvindo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Verified by MonsterInsights