Benfica perde em São Petersburgo

Maxi Pereira "quebrou o gelo" aos 20' e ainda depois dos Russos darem a volta ao marcador, o Perigoso Óscar Cardozo igualou a partida, mas no minuto seguinte o SLBenfica voltou a sofrer, por intermédio de Semak, fixando o resultado final em 3-2.

A eliminatória irá "descongelar" dia 6 de Março, data da 2ª mão a disputar no Estádio da Luz.

 

FICHA DE JOGO
 
Estádio: Petrovskij, em São Petersburgo.

Zenit-Benfica, 3-2.

Marcadores: 0-1, Maxi Pereira, 20 minutos. 1-1, Shirokov, 27. 2-1, Semak, 71. 2-2, Cardozo, 87. 3-2, Shirokov, 88.

 

Zenit: Zevnov, Anyukov, Bruno Alves, Lombaerts, Hubocan, Denisov, Shirokov, Kanunnikov (Bystrov, 66), Zyryanov (Semak, 46), Fayzulin (Rosina, 89) e Kerzhakov. (Suplentes: Borodin, Lukovic, Cheminava, Rosina, Huszti, Semak e Bystrov).

SLBenfica:  Artur, Maxi Pereira, Luisão, Gaitán, Emerson, Matic, Witsel, Gaitán (Miguel Vítor, 90), Bruno César (Nolito, 76), Rodrigo (Aimar, 30) e Cardozo. (Suplentes: Eduardo, Jardel, Miguel Vítor, Nelson Oliveira, Aimar, Nolito e Saviola).

Árbitro: Jonas Eriksson (Suécia).

 

Acção disciplinar: cartão amarelo para Luisão (13), Bruno Alves (17), Bruno César (45+1), Anyukov (63) e Pablo Aimar (75). Assistência: Cerca de 21.000 pessoas.

A temperatura rondou os 13 graus negativos.

 
Ezequiel Garay acredita na reviravolta da eliminatória e conta com o apoio dos Adeptos no Estádio da Luz, dia 6 de Março. O jogador escreveu na sua conta oficial do twitter: "Fue muy dificil el partido de hoy!! Pero tenemos q confiar q en el estadio da luz con nuestra gente vamos revertir este resultado!!!"
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.