Clube e treinador acertaram rescisão

Leonel Pontes já não é treinador do Marítimo. O antigo adjunto de Paulo Bento não resistiu aos recentes maus resultados e acordou a rescisão o contrato com os responsáveis madeirenses.

Pontes fazia a sua estreia como técnico principal depois de muitos anos ligado ao antigo seleccionador Paulo Bento, uma experiência que não correu como o previsto. A equipa do Marítimo situa-se, neste momento, na 11.ª posição com 27 pontos e está na luta por um lugar na final da Taça da Liga, onde já se encontra o Benfica.

Eis o comunicado do clube maritimista no seu site a dar conta da rescisão:

“Na sequência dos acontecimentos dos últimos jogos, os quais penalizaram sobremaneira a equipa, o treinador Leonel Pontes solicitou uma reunião com o presidente da administração do Marítimo da Madeira Futebol SAD, na qual houve acordo mútuo para a rescisão de contrato que unia as duas partes até ao final da temporada 2015/2016. O mesmo aconteceu com o ‘adjunto’ Tiago Leal, ficando a equipa, transitoriamente, sob o comando de Ivo Vieira e de José Manuel.

Neste momento, o Marítimo da Madeira Futebol SAD não pode deixar de agradecer todo o trabalho e profissionalismo evidenciado quer por Leonel Pontes quer por Tiago Leal, desejando-lhes as maiores felicidades em projetos futuros.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.