Nem Tuchel, nem Nagelsmann, nem Luis Enrique. A solução que a direcção do Bayern de Munique encontrou para colmatar a saída de Carlo Ancelotti é o já aposentado Jupp Heynckes, de acordo com o jornal alemão Bild.

O alemão de 72 anos, cuja última experiência foi precisamente ao serviço dos bávaros na temporada 2012/2013, foi a opção que Uli Hoeness e Karl-Heinz Rummenigge – dois dos responsáveis maiores do Bayern – acharam mais adequada à situação do clube.

O facto que estar ainda a lutar por todas as provas fez que com os dirigentes optassem por um treinador experiente. As opções Thomas Tuchel, desempregado, e Julian Nagelsmann, jovem técnico de 30 anos de Hoffenheim, foram ponderadas, mas ambos teriam ainda pouca experiência para lidar com a situação delicada por que atravessa neste momento o campeão da Bundesliga.

Esta será, portanto, a quarta vez que Heynckes dirige o Bayern de Munique. O contrato será válido até ao final da presente época.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.