DOMINIODEBOLA.com

Notícias, Futebol, Liga, Portugal, Betclic, Benfica, Sporting, Porto

José Mourinho? «Quando não corre bem, desaparece»

2 min read

José Mourinho continua a ser alvo de críticas enquanto treinador da AS Roma.

Segue-nos nas Redes Sociais

Facebook icon  Instagram icon Tiktok icon twitterx icon Pinterest icon Whatsapp icon YouTube icon

Paolo Di Canio criticou fortemente a postura de José Mourinho após a sua expulsão no último jogo da AS Roma contra a Atalanta BC.

O antigo avançado, conhecido por passagens por clubes como Lazio, Milan, Napoli e Juventus, expressou o seu desagrado quanto ao comportamento do treinador português. Di Canio afirmou que Mourinho falhou ao ser expulso e que mesmo uma expulsão já seria demais, destacando que isso não pode ser considerado a norma.

Além disso, Di Canio fez uma crítica mais ampla sobre o comportamento de treinadores em geral, mencionando que Mourinho é um exemplo típico de um treinador que, quando as coisas não estão a correr bem, “desaparece”.

Ele enfatizou que esse não é um problema exclusivo de Mourinho, mas algo que precisa de mudar no futebol. Di Canio sugeriu que deveria ser uma obrigação para os treinadores dialogarem com a imprensa e outros envolvidos após o jogo, independentemente do resultado, e que alguém deveria intervir para promover essa mudança.

«Mourinho falhou três por expulsão? E mesmo um é demasiado, não é? Não pode ser a norma. Agora quero fazer uma polémica. O Mourinho é um treinador regular, quando as coisas não estão a correr bem, desaparece. Claro que não é só ele, há muitos outros também. Quero falar de futebol com as pessoas envolvidas e isso tem de mudar e alguém tem de intervir», afirmou Paolo Di Canio à Sky Sports.

«Repito, isto não acontece apenas com a Roma, mas alguém tem de fazer alguma coisa. Deveria ser uma obrigação falar com as pessoas de dentro, sejam elas jornalistas ou antigos jornalistas [crítica ao facto de José Mourinho não ter falado após a partida]».

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.