DOMINIODEBOLA.com

Notícias, Futebol, Liga, Portugal, Betclic, Benfica, Sporting, Porto

Jogadores do Boavista recusaram treinar devido a salários em atraso

1 min read

O plantel do Boavista recusou treinar em protesto pelos salários em atraso. Com três meses de salários em atraso para os jogadores e quatro meses para os funcionários do clube, a situação motivou a decisão de não realizar o treino matinal.

Segue-nos nas Redes Sociais

Facebook icon  Instagram icon Tiktok icon twitterx icon Pinterest icon Whatsapp icon YouTube icon

A Liga Portuguesa de Futebol notificou o Boavista, assim como Leixões e Vilaverdense, devido à falha no cumprimento do controlo salarial de dezembro.

O Boavista enfrenta uma situação financeira delicada, com três meses de salários em atraso para os jogadores e quatro meses para os funcionários do clube.

Os jogadores recusaram-se a treinar em protesto e exigiram explicações do presidente da SAD, Vítor Murta. Após as explicações não serem satisfatórias, os jogadores abandonaram o treino sob as ordens da equipa técnica. Esta situação agravou-se nos últimos meses, com episódios como cortes de gás e água, obrigando os jogadores a tomarem banho em casa.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Verified by MonsterInsights