Em entrevista ao jornal ABOLA, o avançado português Kikas, de 21 anos, recordou a sua época de estreia na I Liga, onde apontou cinco golos.

Esta época acabou por ser cedido pelo Belenenses ao Vilafranquense, mas não baixa os braços e não lhe retira a confiança e os sonhos que, para já, têm tons em… azul.

Estreou-se na Liga aos 20 anos, na época transata, promovido por Silas dos sub-23 à equipa principal do Belenenses, e nessa época apontou cinco golos, um deles, na Luz, diante do Benfica (2-2) num jogo que deixou os encarnados em suspenso na luta pelo título. Um golo memorável, que, de resto, já esta temporada, chegou a ser lembrado pelo próprio Bruno Lage.

«Foi um golo de que nunca me vou esquecer, porque no ano anterior estava a jogar no CNS, via os jogos na televisão, e dizia para os meus amigos que um dia ia marcar num grande estádio. Foi o concretizar de um sonho. É normal toda a gente lembrar-se desse golo. Eu lembro-me quase todos os dias, para ser sincero. Foi inesquecível», diz o ponta de lança, com algumas referências na ainda curta carreira: «O meu pai sempre foi o meu ídolo, mas gosto muito de Cristiano Ronaldo e Robert Lewandowski.»

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.