João Freitas Pinto estreia-se com uma vitória

Numa partida que se esperava equilibrada entre duas boas equipas, a maior espectativa estava para ver como se saía o novo técnico encarnado no banco da luz.

O Sp. Braga/AAUM até começou melhor com várias oportunidades para marcar, mas como quem não marca, sofre, Bruno Coelho inaugurou o marcador  para o SL Benfica ao minuto 6’ num livre estudado.

Com a equipa do Minho a querer dar a volta aos acontecimentos, apenas pecava pela finalização, mas foi Marinho a alargar a vantagem da equipa de Lisboa para 2-0.

No minuto seguinte, Amílcar reduziu a desvantagem através de um remate potente e colocado. Pouco tempo de festa para os Bracarenses que logo a seguir Marinho fez de novo o gosto ao pé, 3-1 para o SL Benfica.

A equipa da casa voltaria a marcar através de César Paulo, numa jogada de pivôt, finalizando da melhor maneira possível, Nenê ainda antes do intervalo fixou o resultado em 4-2 num excelente golo.

A segunda metade começou de feição à equipa do SL Benfica por Joel Queirós. Até ao final houve mais um golo para cada equipa com Bruno Coelho, e Amílcar a encerrarem a marcha do marcador.

O SL Benfica continua em segundo, enquanto que o Sp. Braga/AAUM mantém-se em quinto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.