Frederico Varandas processa Vítor Baía e Sérgio Conceição

O presidente do Sporting CP, Frederico Varandas apresentou uma queixa-crime no DIAP do Porto contra vários responsáveis do FC Porto, avança o CM-TV. Entre eles o treinador Sérgio Conceição e o administrador Vítor Baía. Também o diretor de comunicação, Francisco J. Marques, e o diretor de imprensa, Rui Cerqueira estão envolvidos no âmbito do chamado ‘caso da garagem’, que aconteceu no Estádio do Dragão, depois do clássico entre FC Porto e Sporting (2-2), a 11 de fevereiro, para a Liga.

 

Segue-nos nas Redes Sociais

Facebook icon  Instagram icon Tiktok icon twitterx icon Pinterest icon Whatsapp icon YouTube icon

Em causa estão os crimes de ofensas à integridade física, dano, injúrias, ameaça e apropriação ilegítima.

Varandas alega que foi insultado e ameaçado, após terminar o jogo e quando se dirigia para a zona da garagem.

“Vítor Baía, que se encontrava notoriamente irritado, dirigiu-se ao presidente do Sporting e gritou: ‘És uma vergonha. Filho da p***! Devias era ficar já aqui! Vem cá, cara***!, Anda cá cabr**, rebento-te todo!’ (…) Tomado por crescente acesso de agressividade e cólera, prosseguiu (…) fazendo menção de se aproximar do ofendido, para o agredir”, lê-se na participação criminal, a que o Correio da Manhã teve acesso. Segundo relata na queixa, Vítor Baía desafiou-o, tentando mesmo dar-lhe uma cabeçada, “o que não sucedeu por escassos centímetros”, foi insultado por Conceição nos mesmos termos. Perante o clima de tensão, diz que ripostou: “Achas que tenho medo de ti? Queres continuar a insultar?”, perguntou a Baía, acrescentando: “Vou gravar isto.”

Varandas alega ainda que, quando agarrou no telemóvel para gravar a situação, ficou sem o aparelho e a carteira, após ser agredido por Rui Cerqueira, que lhe terá desferido uma palmada forte na mão. Garante que pretende pedir uma indemnização, mas não adianta, para já, valores.

Cabe agora ao Ministério Público decidir se abre um inquérito para investigar os factos relatados.

Partilha nas Redes Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Topo