O jornal “A Marca” deu a conhecer esta segunda-feira novas informações daquele que é um dos contratos mais mediáticos da história do futebol.

Cristiano Ronaldo atleta detentor de cinco bolas de Ouro transferiu-se para o Al Nassr e surpreendeu muitos dos fervorosos apoiantes da modalidade, principalmente depois do próprio ter negado tal mudança para a Arábia Saudita, durante a campanha portuguesa no Mundial do Qatar.

Do salário milionário ao poder praticamente ilimitado sobre o clube, que lhe permitiriá, aparentemente, dispensar até próprio treinador se assim entender, uma das particularidades mais surpreendentes do documento foi esta segunda-feira revelada pelo jornal “A Marca”.

A mesma fonte adianta que o contrato de CR7 prevê a possibilidade do atleta deixar o clube árabe ao fim de seis meses, caso o Newcastle solicite os seus serviços. Com meia época decorrida, a equipa inglesa ocupa neste momento o 3.º lugar do campeonato, o que lhe permitiria o acesso à Liga dos Campeões. Tal “jogada” é apenas possível pelo facto de ambos os clubes, Newcastle e Al Nassr, serem detidos pelo mesmo fundo de investimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.