fredericovarandas

“Inadmissível perante o IFAB e a FIFA”, foi assim que o Conselho de Arbitragem (CA) federativo arrasou a proposta do Sporting para os clubes terem acesso à gravação das conversas dos árbitros e do VAR nos jogos.

A SAD de Alvalade queria vê-la discutida e votada na assembleia geral (AG) de clubes que teve lugar anteontem, porém, o teor do parecer solicitado pela Liga ao CA foi tão esclarecedor que o texto não chegou a ser admitido na votação das alterações ao Regulamento Disciplinar.

É apontada “total carência de lógica e fundamento” à alteração pretendida ao artigo 13º e a um “novo artigo 15º-A.”

“Se no artigo 13º ainda nos movemos no campo de um processo disciplinar – e o eventual acesso a estas gravações apenas poderá ser dado nesse âmbito –”, nota o CA ,“no artigo15º- A as possibilidades são infinitas” e pode ser pedido “sem qualquer motivo ou fundamento que o justifique.” Este último é visto como “uma porta de acesso a todas as gravações” e, “sem este nexo de causalidade com qualquer processo disciplinar”, é considerado “inadmissível por falta de competência da AG da Liga para o aprovar no seio de um Regulamento Disciplinar”.

O CA questiona “se este tipo de acesso seria compatível com o regime de proteção de dados pessoais.” C

onclui que as propostas “devem ser liminarmente rejeitadas, sob pena de ilegalidade e violação do protocolo VAR”.

O Benfica quer um Conselho de Presidentes para esclarecer a posição do CA.

One thought on “Conselho de Arbitragem “arrasa” Sporting CP”
  1. Arrasou o Sporting em quê? O Frederico varandas é que arrasou o C.A a FPF a liga e o FCP , apesar de eu achar que o FCP é quem tem menos culpa do que se passa as pessoas á frente dessas instituições é que são uma cambada de corruptos vendem se por pouco……

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.