Foi um dos destaques do Marítimo na temporada, mas não vai ficar no plantel em 2022/23.

Rafik Guitane vai voltar à ‘casa mãe’, segundo confirmou Rui Fontes, presidente dos insulares.

«A equipa que é detentora [do passe] dele solicitou, de acordo com o documento que recebemos, a presença dele junto ao clube», disse o dirigente à margem da apresentação de mais uma delegação do clube.

«Deu muito nas vistas este ano, a nível nacional e com certeza internacional, porque o Marítimo é visto por toda a Europa pelo menos e, naturalmente, manifestaram interesse no jogador», acrescentou ainda Rui Fontes, salientando que «desta vez já não volta» ao emblema madeirense.

Guitane, saliente-se, chegou ao Marítimo em 2020/21 inicialmente por empréstimo do Rennes que, mais tarde, vendeu o seu passe ao Stade de Reims.

O jogador permaneceu por empréstimo na Madeira e deu nas vistas sobretudo com a entrada de Vasco Seabra a meio da temporada.
Além da não permanência de Guitane, Rui Fontes informou, por outro lado, da continuidade do sueco Tim Söderström.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.