O arranque negativo do Marítimo na nova época (três derrotas consecutivas e 11 golos sofridos) está a ser tema de debate e a partida em Braga, que terminou 5-0 para a turma de Artur Jorge, foi a gota de água para Rui Fontes, presidente dos insulares.

No final do encontro, o dirigente falou ao Diário de Notícias da Madeira e não poupou nas críticas aos administradores da SAD, que foram nomeados sob a sua alçada. «Confiei plenamente nas pessoas que foram nomeadas pelo Club Sport Marítimo para administrarem a SAD na convicção de que realizariam um bom trabalho. Mas, afinal, desiludiram-me profundamente», começou por dizer em relação a João Luís (líder da SAD) e os administradores Luís Olim e Nélson Gouveia.

«São pessoas que julgam que têm toda a sabedoria e que não ouvem mais ninguém a não ser um cotado empresário madeirense», salientou Rui Fontes, que não se vai desviar do caminho de «retirar o Marítimo dos erros de um passado recente».

«Vou estar aí [na Madeira] e vou tomar medidas drásticas. Vou tomar conta da SAD quer eles queiram, quer eles não queiram», revelou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.