Foi um Carlos Carvalhal visivelmente irritado aquele que se apresentou na Flash Interview na sequência da derrota por 0-1 diante do Gil Vicente, que propiciou o afastamento da Taça da Liga. O técnico do Rio Ave, inclusivamente, afirmou que vai pedir a demissão do comando técnico.

“Tenho o direito de querer viver com isto ou não. Ninguém suporta isto, suporta quem precisa disto para trabalhar, para ganhar dinheiro. Eu não preciso disto para ganhar dinheiro, então vou para outra coisa qualquer, para outro do qualquer”, disse Carvalhal, acrescentando que vai “pedir uma reunião com o presidente para pedir a minha demissão. Não estou para isto”.

Esta ira advém de ter sido anulado um golo ao Rio Ave perto do final da partida que daria o 1-0 para os vila-condenses. Piazón introduziu a bola, mas o lance foi invalidado, aparentemente mal, por falta sobre o guardião do Gil Vicente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.