Esta sexta-feira, o Barcelona divulgou o orçamento com o qual irá contar para a presente temporada, de 2022/23!

A categoria das dívidas mantidas com outros clubes está a ser tema de discussão em Espanha.

O conjunto catalão revelou que deve, neste momento, um total de 144 milhões de euros, 52 milhões de euros dos quais ao Manchester City, face à aquisição de Ferran Torres, que, recorde-se, ficou selada a troco de… 55 milhões de euros mais bónus dependentes do cumprimento de objetivos.

O emblema blaugrana deve, ainda, 46 milhões de euros ao Ajax. 36 milhões de euros dizem respeito à contratação de Frenkie de Jong, e os restantes dez milhões de euros à de Sergiño Dest, jogador que, no passado verão, reforçou o AC Milan, a título de empréstimo.

Finalmente, os culés têm uma dívida de 36 milhões de euros à Juventus, por Miralem Pjanic, e de 14 milhões de euros ao Liverpool, por Philippe Coutinho, internacional brasileiro que chegou a Camp Nou, em 2019, mas que nunca conseguiu vingar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.