O Manchester City entrou com o ‘pé direito’ na fase de grupos da Liga dos Campeões, ao golear o Leipzig, por 6-3. Para além de ter sido um grande jogo, também deu que falar as duras reprimendas dadas por Pep Guardiola a dois jogadores.

O treinador dos citizens mostrou-se desagradado com Riyad Mahrez e Jack Grealish na segunda parte, em pleno relvado do Etihad, e, já após o apito final, explicou, na zona de entrevistas rápidas da estação televisiva britânica BT Sport, o que se passou.

“Falámos ao intervalo sobre aquilo que tínhamos que fazer, e eles não o fizeram. As discussões acontecem”, afirmou o técnico catalão, que destacou a importância de seguir o plano delineado, especialmente diante de individualidades “tão boas”.

“Não é fácil de controlar, mas, quando recuperas a bola, tens vários jogadores adiantados, pelo que, na transição, se fizeres um ou dois passes atrás, tens uma oportunidade de atacar”, completou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.